Com sinal positivo do Estado, Aterro Sanitário Municipal deve funcionar por mais seis meses

Em viagem feita a São Paulo na semana passada, o prefeito Márcio cardim acompanhado do deputado estadual mauro Bragato manteve audiência com o secretário de Infraestrutura e Meio Ambiente, secretário Marcos Penido, para tratar entre outros assuntos sobre a prorrogação do prazo de funcionamento do Aterro Sanitário Municipal.

“Apresentamos o novo plano de utilização do espaço que ainda resta com a abertura de valas laterais, o que nos daria uma autonomia de operação por pelo menos mais seis meses, e o secretário sinalizou positivamente neste sentido”, relatou o chefe do executivo em entrevista ao site Clikar.

Na mesma reunião Cardim também ressaltou a necessidade de agilização do processo de liberação da licença para implantação e funcionamento do Aterro Sanitário Privado que será construído no bairro Aidelândia, em Adamantina.

“Se não houver essa solução dos trâmites burocráticos entre a empresa e o Estado, vão passar os seis meses e estaremos novamente sofrendo com o problema de não ter mais onde depositar o nosso lixo. Mas acredito que pela boa vontade demonstrada pelo Dr. Penido tudo será solucionado a tempo”, finalizou.

VOCÊ PODE GOSTAR

TV Folha Regional
MAIS NOTICIAS
Carregue mais