2.740 cadastrados para casas populares passarão por nova fase de inscrição na próxima semana

No período de 29 de janeiro a 1º de fevereiro os 2.740 cadastrados para concorrerem a casas populares no município terão que cumprir uma nova, na qual estão convocados para voltarem à Emef Navarro de Andrade e efetivar a inscrição junto à pela Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo (CDHU).

Milhares de candidatos formaram enormes filas na defronte da escola terça-feira (22) e quarta-feira (23) para tentarem um lugar no sorteio das 99 unidades em construção nas áreas anexas ao Mário Covas e ao Parque Itamarati. Conforme levantamento do Portal Siga Mais, existe uma média de 27 concorrentes para cada casa.

Na realidade, 3.240 pessoas foram atendidas nos dois dias, porém, 500 não se enquadraram para efetivar o cadastro, como informou ao SM o secretário municipal de administração, Evandro Pereira de Souza.

Vale lembrar que o agente municipal de habitação em Adamantina, Edson Pereira da Costa já havia deixado claro que ainda não há data definida para a realização do sorteio referentes a essas moradias, e será divulgado quando marcado.

 

VOCÊ PODE GOSTAR

TV Folha Regional